Invista certo: Entenda Mais Sobre a Fabricação de Um Móvel Planejado

fabricação de um móvel planejado
Compartilhe se gostou:

Os móveis planejados estão conquistando cada dia mais o seu espaço no mercado, além ajudar a valorizar o imóvel ainda facilita a vida dos usuários oferecendo conforto e organização dos ambientes. Porém, ainda assim, muitas pessoas têm dúvidas sobre a fabricação de um móvel planejado e as diferenças entre os materiais utilizados.

Falaremos hoje, um pouco sobre quais os materiais utilizados na fabricação. Com certeza essas dicas ajudarão você entender mais sobre o assunto e investir certo!

O móvel Planejado tem como base o espaço a ser ocupado, com a finalidade de permitir ganhos de espaço, funcionalidade e organização.

Então vejamos os principais itens que devem ser levados em consideração quando se trata um móvel planejado:

# Matéria-Prima

A estrutura do móvel pode ser feita de diversos materiais como: Madeira maciça, Madeira compensada e /ou Madeira Sarrafeada e Madeira reconstituída.

A Madeira maciça, pela realidade ecológica e ambiental cria uma determinada limitação. Devido à exigência de certificação para fabricação dos produtos, o processo se torna demorado e com um custo elevado para o consumidor, visto que, por trás da sua produção exige toda uma manufatura de alto custo.

Já a Madeira Compensada ou Sarrafeada, também tem um preço maior e exige do consumidor um investimento maior, pois o fabricante terá que além de processar este produto, revesti-lo ou pintá-lo de forma que a água não entre na superfície plana do móvel causando danos.

De forma mais ampla, a matéria prima mais utilizada, por equacionar a relação custo benefício, tem sido a Madeira Reconstituída. Ela divide-se em dois tipos conhecidos como: MDP e MDF.

Os dois tipos tem como base de sua construção madeiras renováveis (pinus / eucalipto),sendo ecologicamente correta a sua utilização.

Muito se fala do MDP X MDF. Tecnicamente ambos apresentam características similares e se comportam bem para a fabricação de móveis planejados, mas o que mais pesa nesta tomada de decisão são as experiências já vividas pelos consumidores.
Como o MDP tem a aparência do velho e desprestigiado AGLOMERADO, passa a impressão de qualidade duvidosa.
Assim, muitas empresas focam o uso para a fabricação de móveis planejados em MDF, como é o caso da D&C.

O MDF é um produto que não apresentou problemas no seu lançamento e dá um aspecto visual de uniformidade por ser feito a partir de fibras, ao contrário do MDP que é produzido com cavacos de Pinus (lascas de madeiras).

# Revestimento

O revestimento do MDF é fundamental, pois deve ser impermeável, suportando as ações de agentes químicos e físicos. Para o bloqueio desses danos, as chapas de MDF são revestidas com uma resina conhecida como MELAMINA, que age como uma película que é aplicada sob a chapa de MDF (e tem propriedades antibacterianas).

Após resinado com a melamina, as chapas passam por um sistema de prensagem de baixa pressão e alta temperatura para fundir na chapa ao papel decorativo, que definirá cor e textura. Chamamos esse “papel decorativo” de BP. Descubra mais aqui!

# As Ferragens

Um fator de grande atenção por parte do consumidor é observar as ferragens que estão sendo utilizadas no móvel a ser adquirido.Itens como sistema de fixação, dobradiças e corrediças devem ser analisados com maior profundidade.

Quando se busca uma solução para um closet, ou armário de quarto, é fundamental perceber se este produto permitirá a mobilidade, pois mesmo sendo móvel planejado o processo de montar/ desmontar tem que ser viável, pois poderá em algum momento da vida do usuário existir a necessidade mudar e será importante esta possibilidade.

# Fixação

Produtos que utilizam parafuso direto no MDF ou no MDP, não irão se comportar bem com esta possibilidade de mudança. Na D&C utilizamos o sistema alemão chamado Dispositivo VB, que evita o contato direto com o MDF, ocorrendo à união das partes com peças de nylon e aço, permitindo o monta, desmonta e remonta, sem perder a firmeza do móvel.

# Articulações

As dobradiças, também são um fator importante a ser observado pois dão o movimento, são as articulações dos móveis.

Existem vários tipos de dobradiças, as que fecham com impacto e outras com suavidade. Na D&C recomendamos utilizar o sistema com amortecimento nas portas, pois ajuda evitando aquele fechamento bruto.

# Ergonomia e resistência

Também são uma preocupação no momento da abertura das gavetas as corrediças. Um fato determinante que o cliente deve observar é se a gaveta abre totalmente ou parcialmente, pois ela estando fechada, tudo parece igual, mas na hora do uso, certamente se perceberá a diferença. Por exemplo: no momento de pegar aquela colher ou concha que está no fundo da gaveta que não abre totalmente, será necessário se encurvar ou terá facilidade?!

Na D&C as gavetas abrem totalmente e também levamos em consideração não somente o peso que as corrediças suportam, mas também todo um estudo prévio de ergonomia.

# Organizadores

Organizadores, como porta latas, geralmente são ofertados em soluções aramadas, mas no dia-a-dia, trazem alguns inconvenientes, como corrosão, base não plana, trazendo desequilíbrio aos vidros e podendo até virar.

Assim recomendamos uso de base planas, sugerimos aos nossos clientes o uso de porta latas ou condimentos feitos na lógica de pequenas gavetas, que certamente trarão melhor funcionalidade.

# Puxadores

Puxadores dão o toque final em qualquer móvel planejado, são parte do acabamento. Assim o importante neste caso é o seu gosto, ficando atento ao material que é feito o puxador, pois existem opções de plástico, que conforme o uso tem baixa durabilidade.

Na D&C, ofertamos puxadores metálicos, feitos a partir de alumínio ou com revestimento cromado de alta qualidade, evitando a oxidação, que são os recomendados. Vale lembrar que não trabalhamos com puxadores ABS. Descubra o porquê!

Mas para tudo funcionar perfeitamente e não ter problemas, o ideal é buscar uma empresa comprometida que trabalhe com as matérias primas de qualidade, profissionais qualificados e que finalize o processo de venda com uma entrega ágil.

Agora que conheceu um pouco mais sobre os materiais para a fabricação dos Móveis Planejados, confira também outras dicas assinando a nossa News!

comments